Via Varejo assume interesse de Klein e XP e venda pode estar próxima

A Via Varejo confirmou que Michael Klein e XP Investimentos estão interessadas em comprar a empresa. Reconfiguração no setor de eletrodomésticos segue agitada. Confira

cred: Divulgação

Depois das várias especulações sobre a venda da Via Varejo (empresa dona das bandeiras Pontofrio e Casas Bahia), finalmente o negócio parece estar perto de se concretizar. A Via Varejo emitiu nota repercutida pelo jornal Valor Econômico assumindo que Michael Klein (herdeiro de Samuel Klein, fundador das Casas Bahia), está contratando a XP Investimentos para comprar a empresa.

Klein já é acionista da varejista e tem a segunda maior parte da empresa, menor apenas que a participação do Grupo Pão de Açúcar, de quem deve comprar essa parte. A XP também tem uma cota pequena de ações da varejista de eletrodomésticos e eletrônicos.

Só no ano passado, a Via Varejo acumulou prejuízos que chegaram a 267 milhões de reais e chegou a ser cogitada como porta de entrada da Amazon no Brasil, onde a empresa procurava uma robusta operação física para ampliar sua operação.

Reconfiguração do setor de eletrodomésticos

A Via Varejo não está solitária na crise. No ano passado, a Máquina de Vendas, que detém a marca Ricardo Eletro, passou por complicações acentuadas e teve que pedir recuperação extrajudicial.

Na outra ponta, o Magazine Luiza tem ampliado sua participação no mercado, aproveitando o vácuo deixado pelos concorrentes. A empresa começa a ampliar sua participação no Nordeste e abre suas primeiras lojas na região Norte. Além disso, ela cresce impulsionada principalmente pela sua operação on-line. Neste mês, a empresa liderada por Fred Trajano comprou a operação brasileira da Netshoes para ampliar seu portfólio de produtos.