Pão de Açúcar amplia parceria com a Cheftime

Enquanto estuda a aquisição da foodtech Cheftime, GPA expande, nas lojas, a oferta de kits criados pela startup de assinaturas

De olho nos consumidores que querem se alimentar bem mas têm pouco tempo e pouca prática na cozinha, o GPA decidiu expandir a parceria firmada, no final do ano passado, com a Cheftime. Na ocasião, a rede de supermercados esboçou a intenção de adquirir o controle do capital social da foodtech em um prazo entre 18 e 24 meses.

Passado o período de testes, 28 unidades e o e-commerce da rede passam a oferecer os kits do Cheftime, que já criou mais de duas mil receitas nesse modelo. Hoje, os clientes podem comprar uma caixa com um folder que traz o passo a passo da receita e todos os ingredientes nas porções na medida ou fazer uma assinatura pelo site da empresa para receber, em casa, a o kit. Além de refeições, a marca trabalha com a entrega de combos para preparar em casa drinks e sobremesas.

Movimento global
Criada em 2015 pela administradora de empresas Daniella Mello, a startup acompanha um movimento global de oferecer mais praticidade ao consumidor por meio de opções gourmet e, ao mesmo tempo, saudáveis. “O mercado de alimentação é gigante e ainda tem uma penetração pequena no digital. Mas como a questão da experiência, da conveniência e do delivery são muito valorizadas, uma hora essa virada vai acontecer”, diz Daniella.

Ela cita como exemplo empresas já consolidadas nos Estados Unidos e na Europa, como a HelloFresh e a Blue Apron que, juntas, vendem mais de 10 milhões de refeições por mês. “São gigantes, inclusive com capital aberto na bolsa de valores. Não podíamos ficar de fora dessa”, afirmou Daniella.

Para a executiva, a parceria com o Pão de Açúcar vem ajudando a marca não só nas vendas como na expansão de praças, na experiência no ponto de vendas; algo inédito até então, e na própria operação. “Desde o começo vimos que uma parceria com o varejo tinha tudo a ver com a nossa marca. Agora, depois de atingirmos um certo grau de maturidade, isso se tornou possível”, comemora. “Muita gente tem levantado a bandeira ‘Vá para a cozinha’, como Jamie Oliver, Rita Lobo e os ‘marmiteiros’). Queremos reafirmar que cozinhar pode ser prazeroso, descomplicado e divertido”.