Ricardo Eletro anuncia novo CEO depois de recuperação extrajudicial

A Máquina de Vendas, dona da Ricardo Eletro, anunciou seu novo presidente, que chega com a missão de tocar a recuperação do grupo

Crédito: Shutterstock

A Máquina de Vendas, dona da Ricardo Eletro, contratou o executivo Luiz Wan-Dall como novo presidente-executivo do grupo. O ex-presidente da empresa, Ricardo Nunes, que ocupava o cargo desde a fusão da Ricardo Eletro e da Insinuante, passa a ocupar a posição de copresidente.

Wan-Dall foi executivo da Atlas Eletrodomésticos e começou, nesta terça-feira, como controlador da rede Ricardo Eletro.

No mês passado, a Máquina de vendas, terceira maior varejista de eletroeletrônicos do País e que chegou a ocupar a segunda posição, fechou plano de recuperação extrajudicial, homologado na justiça. A companhia brasileira de private-equity Starboard deve ficar com 72,5% do grupo com o pagamento de R$ 250 milhões.

As dívidas da Máquina de Vendas chegam a R$ 3 bilhões, sendo metade disso com fornecedores e a outra metade, dívidas bancárias.

A Máquina de Vendas tem faturamento anual de R$ 2,5 bilhões e 650 lojas pelo País. A rede foi criada em 2010, com a fusão da Ricardo Eletro com a Insinuante, quando tornou-se a terceira maior do Brasil no segmento de eletroeletrônicos, atrás da Via Varejo e do Magazine Luiza.

Com informações do Valor Econômico.