Dívidas colocam Ricardo Eletro e Máquina de Vendas em recuperação extrajudicial

Fundo americano teria feito proposta para assumir a operação da Ricardo Eletro e das outras bandeiras do grupo Máquina de Vendas

Dono da Ricardo Eletro, o grupo Máquina de Vendas está em processo de recuperação extrajudicial e pode ficar sob controle do fundo de investimento americano Apollo. Segundo reportagem da Exame, o fundo estaria pronto para colocar um aporte de R$ 500 milhões para controlar a empresa.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!

A Máquina de Vendas tem 500 lojas espalhadas pelo Brasil, é dona também da varejista baiana Insinuante e de outras redes nos estados de Rondônia, Pernambuco e Santa Catarina. Nos últimos meses, o grupo apresentou retração de 25% nas vendas.

Segundo a matéria, a dívida da varejista está em R$ 2,5 bilhões, sendo R$ 1,5 bilhão referente a dívidas bancárias e o restante com fornecedores. Por ora, Ricardo Nunes, dono da rede, seguiria à frente da operação.

Procurada, a Máquina de Vendas disse que, por enquanto, não vai se pronunciar sobre o assunto.

Leia também: Apple se torna a primeira empresa a valer US$ 1 trilhão