4 Passos para um pequeno e-commerce crescer na Black Friday, segundo o Google

(TV NOVAREJO) Executivo do Google contou o que um pequeno e-commerce precisa fazer para conseguir vender mais na Black Friday deste ano. Assista!

cred: Shutterstock

Dados do Google mostram que as vendas da Black Friday devem crescer 20% neste ano, em relação ao ano anterior. Isso porque o interesse do brasileiro pela data promocional é cada vez mair. Neste ano, 68% pretendem comprar algo na Black Friday, contra 61% verificados no ano passado.

Nesse campo, há quem pense que apenas os grandes negócios conseguem extrair valor da data – e receita. Mas os números da gigante de tecnologia mostram que não é bem assim.  Os pequenos também têm vez na data.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!

Em 2012, a Black Friday contava com a participação de 100 lojas de e-commerce e 22 mil lojas físicas. No ano passado, mais de mil e-commerces participaram da data. Os pequenos, mais nichados, também se beneficiam, porque a busca por itens cada vez mais específicos tem aumentado.

Para se ter uma ideia, as buscas por itens como carrinho de bebê no período crescem 106%. Há quem busque ofertas para Whisky e até pneus – as buscas desses itens crescem 166% e 155% no período promocional.

Os pequenos também têm vez

Nesse período, portanto, há grandes oportunidades para os pequenos e-commerces. Mas é preciso fazer mais do que campanhas nas redes sociais para conseguir espaço no mar de promoções atraentes. NOVAREJO perguntou ao Google o que você, pequeno empreendedor, pode fazer. E Rodrigo Rodrigues, diretor de Soluções de Marketing do Google, contou para gente os passos a serem seguidos para ganhar relevância a abocanhar parte desse crescimento da Black Friday. Assista: