Fiasco na Black Friday?

Prévia de vendas divulgada 9h antes do fim da Black Friday não atinge 50% do estimado para dia


(Novos números foram divulgados às 18h. Confira o resultado mais recente clicando aqui)

De acordo com o Busca Descontos e o Clear Sale, até as 15h desta sexta (28), o e-commerce brasileiro faturou R$ 316 milhões. Isso significa que depois de transcorrido 62,5% do período do Black Friday, apenas 47% do montante estimado foi arrecadado.

E isso porque a estatística se refere às compras feitas desde as 20h de quinta, ou seja, compreendem 19h de movimentações financeiras do comércio eletrônico.

Anteriormente, a projeção destas mesmas empresas era que o número de vendas online do feriado de compras atingisse R$ 661,4 milhões e fosse 56% maior que o do ano passado, quando chegou a R$ 424 milhões.

De acordo com o Busca Descontos, a Clear Sale realiza 84% das análises de conversões de compras do comércio eletrônico nacional. Para compor o resultado parcial, os outros 16% são estimados.

Segundo o Busca Descontos, estes resultados dizem respeito às compras feitas em todos os sites de e-commerce nacional, não apenas via site blackfriday.com.br, que foi criado para divulgar a data pela empresa.

Pelas informações divulgadas, as categorias mais clicadas até agora são Eletrônicos (42,27%), Esporte e Lazer (15,04%), Informática (10,96%) e Viagens (10,65%). A ClearSale informa que já evitou R$ 787 mil em fraudes.

Divergência nos números

Clicando aqui, você perceberá que os números do E-bit são diferentes. Para a consultoria especialista em e-commerce, no ano passado foram movimentados R$ 770 milhões e a projeção para esse ano era de um volume 56% maior (R$ 1,2 bilhão). O E-bit anunciou que divulgará ainda hoje (28) uma prévia do seu resultado do Black Friday nacional.

Leia mais:

4 dicas para vender mais durante a Black Friday

Compre mais caro. Somente hoje

Campanha busca dar credibilidade ao Black Friday