Walmart aposta em terceirizados para viabilizar entrega de alimentos

Por: Raphael Coraccini 2.003 views

Empresa que vai entregar produtos do Walmart abriu mão da cor e do logo para que não pareça um serviço terceirizado. Mas a questão é: isso importa para o consumidor?

Crédito: Shutterstock

Tão logo a Amazon lançou seu Amazon Key-in-Car, serviço de entrega nos carros dos consumidores, o Walmart anunciou uma parceria com a DoorDash para começar a fazer entregas de supermercado por carro. O teste está sendo realizada apenas em Atlanta, por enquanto. O Walmart já tem oferecido alimentos por serviços como o Instacart, Uber, entre outros.

O que tem causado uma certa polêmica é que a DoorDash, que já fazia entrega de refeições, está renunciando a sua marca nas camisetas e sacolas nos serviços prestados ao Walmart. O portal eMarketer levantou as questões: Os clientes sabem que estão sendo atendidos por um serviço terceirizado? E se não sabem, precisam mesmo saber?

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora! 

O portal responde, baseado numa pesquisa da Dropoff de fevereiro de 2018, que os consumidores não se importam com quem entrega seus itens contando que sejam profissionais. Apenas 12% dos usuários de internet dos EUA disseram que faziam questão de que seus produtos fossem entregues pelo varejista, sem terceiros.

Walmart e Amazon recorrem aos terceirizados

As gigantes Amazon e Walmart estão apostando em serviços terceirizados de entrega para evitar ter que revisar processos logísticos inteiros. De acordo com a 85ª edição do “Relatório Anual da Indústria Alimentar”, deste mês, 31,8% dos supermercados nos Estados Unidos oferecem serviços de entrega terceirizados, quase o dobro de 2017. Isso é mais que o número de supermercado que fornecem entregas suportadas pelas próprias lojas (28%).

Leia também: 

Como Amazon e Walmart estão tirando o atraso no varejo food on-line

Carregando...

Carregando... por favor, aguarde.